Seu condomínio decidiu que é hora de reciclar a gestão, mas antes planejou como será?

Seu condomínio decidiu que é hora de reciclar a gestão, mas antes planejou como será?

Chegou o momento de passar o bastão, encerrar as atividades de algumas pessoas e começar um novo ciclo!E como todos sabemos, a situação não está fácil! A pandemia também impactou diretamente nas atividades e na organização dos condomínios, e com isso, a preocupação com a troca de gestão deve ser redobrada!

Esse momento delicado envolve MUITA coisa! Desde a carga emocional (nostalgia dos que estão saindo e o frio na barriga dos que estão entrando pra agarrar os futuros desafios), até toda a burocracia e alguns cuidados que são essenciais para evitar alguns probleminhas. Compartilhando da experiência com nossos clientes, elencamos abaixo alguns pontos que enxergamos como importantes para este momento:

• Gestão das Informações: Dentre os documentos necessários para uma transição transparente o antigo gestor deve entregar principalmente o seguinte a Convenção do condomínio, regimento interno, plantas, chaves do prédio, apólice de seguro, pastas de prestações de contas, contratos com fornecedores, livros (se ainda houver) e relação de inventário patrimonial.

• Contatos principais: Desde aqueles “internos” como conselheiros e moradores proativos até os “do bairro”, como entidades públicas e privadas que apoiam o condomínio. Todos os os contatos da administradora e terceirizados devem também estar mapeados.

• Panorama Financeiro: Em conjunto com a administradora e uma empresa independente de auditoria, a nova gestão deve poder entender a situação atual, as inovações pretendidas, o fluxo de caixa e as principais despesas que vem pela frente.

• Retrospectiva da gestão atual: Importante também para os moradores é poder contar com um “book” em .pdf que pode ser consultado em qualquer momento, de todos os problemas, soluções e inovações que a gestão anterior desempenhou.

• Alinhamento entre a gestão atual e a futura: Para uma perfeita passagem de bastão, as gestões atual e futura devem sentar à mesa para nivelar as expectativas e desenvolvimentos pois lembrando que os clientes são os condôminos proprietários e locatários.

• Motivações: Por fim, uma preocupação que sempre surge na hora da troca de gestão, e é totalmente natural e bem vinda, é compreender a motivação das pessoas que estão para assumir os cargos no futuro. Acompanhar essa galera, conversar e compreender o que se passa na cabeça de cada um é muito interessante para que ninguém fique frustrado e que todos sigam empenhados!

Para este momento de troca de gestão é mais que importante o condomínio possa contar com uma plataforma que preserve os atendimentos, dados pessoais das unidades e todo o acervo, organizados por perfis de acesso e filtros para consulta.

Esse é nosso propósito, conte com a nossa equipe para organizar a reciclagem da sua gestão, da maneira mais profissional possível.

Conteúdo por Marcelo Canela – sócio, desenvolvimento, ConectCon